Notícias

Câmara aprova em segundo turno diminuição do recesso do Legislativo

Outras 11/06/2018
Câmara aprova em segundo turno diminuição do recesso do Legislativo
Fotos: Jacson Miguel Stülp Texto: Jacson Miguel Stülp Jornalista - MTb/RS 9.692 Assessor de imprensa | Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Sul

A Câmara de Vereadores de Santa Cruz aprovou três novas matérias na sessão desta segunda-feira, dia 11. Duas são referentes a vetos encaminhados pelo Executivo ao Legislativo, enquanto que uma diz respeito ao funcionamento da própria Câmara.

Veja o vídeo da sessão

Foi aprovada em segundo turno, a diminuição do recesso do Legislativo para 30 dias. Há algumas semanas, o presidente Bruno César Faller (PDT) costurou um acordo entre todos os vereadores da casa para que fosse apresentada e aprovada uma proposta de emenda à Lei Orgânica, a qual todos assinassem em conjunto.

Pela lei agora aprovada em definitivo por unanimidade, as reuniões da Câmara de Vereadores serão realizadas, anualmente, entre 1º de fevereiro e 23 de dezembro, entrando a lei em vigor a partir da data da sua publicação. Esta nova redação substitui a legislação anterior que previa que as sessões ordinárias da Câmara fossem realizadas entre 15 de fevereiro e 15 de dezembro.

Também foi acolhido o veto do Executivo à emenda de autoria do vereador Francisco Carlos Smidt (PTB) que queria uma contrapartida da Corsan pela cedência do uso de imóvel pelo munícípio. O veto teve votos contrários da bancada do PTB.

Outro veto acolhido, só que por unanimidade, trata de emendas dos vereadores Alex Knak (MDB) e Hildo Ney Caspary (PP), ao projeto que dispõe sobre o transporte motorizado privado e remunerado de passageiros por aplicativos.

Informações

Entre as proposições diversas ingressou ;o pedido de informações do vereador Francisco Carlos Smidt (PTB) ao Ministério das Cidades referente à canalização de córregos e pavimentação na marginal do Arroio das Pedras.

O vereador Hildo Ney Caspary (PP) indica a colocação de boca de lobo na Rua Guilherme Hansel. Mathias Bertram (PTB) requer a implantação de energia fotovoltaica para atender a demanda de enérgica da Prefeitura Municipal, a pavimentação da Travessa Rabuske, em Linha Pinheiral e ainda indica à Empresa Gaúcha de Rodovias – EGR a realização de melhorias na sinalização do trânsito no Viaduto Fritz e Frida. Alex Knak (MDB) requer a implantação de faixa de pedestres defronte à 6ª Coordenadoria Regional de Educação – 6ª CRE. Kelly Moraes (PTB) indica a realização de melhorias na Rua Homero Viana.

Luizinho Ruas (PTB) requer o patrolamento e encascalhamento da Rua Walder Rude Kipper, a disponibilização de mais Médicos Pediatras para atender no Centro Materno Infantil – CEMAI, a disponibilização de mais Médicos Pediatras na Estratégia de Saúde da Família – ESF Faxinal e Aumento do espaço físico da Escola Municipal de Educação Infantil – EMEI Pequeninos do Faxinal. Gerson Trevisan (PSDB) requer a reforma da parada de ônibus localizada na confluência da Rua Coronel Oscar Rafael Jost com a Rua Gonçalves Ledo, o redimensionamento, o aumento do tamanho das bocas de lobo existentes em trajeto da Rua Fernando Abott e a instalação, em Santa Cruz do Sul, de uma Coordenadoria Regional do Instituto Geral de Perícias. O vereador suplente Paulo Fröhlich requer a instalação de posto de coleta de resíduos eletrônicos em Linha Santa Cruz.

Licério Agnes (PP) solicita a realização do serviço de roçada, patrolamento e encascalhamento da estrada de Cerro Alegre Alto. Paulo Henrique Lersch (PT) requer a instalação de redutor de velocidade na Rua Victor Frederico Baumhardt, e melhorias nas laterais da Rua Victor Frederico Baumhardt, a instalação de academia ao ar livre na praça do Bairro Esmeralda.